24°C 34°C
Araguaína, TO
Publicidade

Governo do Tocantins inicia emissão da nova carteira de identidade mais inclusiva

Documento retira o campo “sexo” e unifica o campo “nome”, sem distinção entre nome social e nome do registro civil

26/01/2024 às 15h10
Por: Redação Fonte: Secom Tocantins
Compartilhe:
Nova carteira de identidade começou a ser emitida no Tocantins no dia 12 de janeiro, de forma gratuita - Foto: Seciju/Governo do Tocantins
Nova carteira de identidade começou a ser emitida no Tocantins no dia 12 de janeiro, de forma gratuita - Foto: Seciju/Governo do Tocantins

O Governo do Tocantins iniciou a emissão da Carteira de Identidade Nacional (CIN) mais inclusiva, que retirou o camposexoe unificou o camponome, sem distinção entre o nome social e o nome do registro civil.

De forma gratuita, a nova carteira começou a ser emitida no Tocantins no dia 12 de janeiro, pelo Instituto de Identificação da Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP/TO) e marca um novo tempo na garantia de direitos humanos em todo o Brasil, como reforça o diretor de Diversidade e Inclusão Social da Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), Wemerson Lima.

“É uma honra fazer parte da história que está sendo reescrita, de forma mais inclusiva. O nosso papel é garantir direitos fundamentais e acompanhamos todo o processo. Hoje, poder viver esse momento histórico no mês da visibilidade transexual, é muito importante para dar notoriedade às mulheres e aos homens transexuais”, enfatiza o diretor.

Mais inclusão

O novo documento atende a um pedido do Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania (MDH), fortalecendo a garantia de direitos da comunidade LGBTQIA+ e pode ser feito no Instituto de Identificação, pelosite, apresentando a certidão de nascimento ou de casamento.

Governo do Tocantins inicia emissão da nova carteira de identidade mais inclusiva
Misa exibe, satisfeita, o protocolo para a aquisição do novo documento - Marcos Miranda/ Governo do Tocantins
Governo do Tocantins inicia emissão da nova carteira de identidade mais inclusiva
A presidente da Associação de Travestis e Transexuais do Tocantins (Atrato), Byanca Marchiore; e o diretor Wemerson Lima já deram entrada no novo documento, com suporte da diretora do Instituto de Identificação, Elaine Monteiro - Seciju/Governo do Tocantins
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.